Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.16/1124
Título: Gastroenteropatia perdedora de proteínas associada a co-infecção por Helicobacter pylori e vírus citomegálico
Outros títulos: Cytomegalovirus and Helicobacter pylori co-infection in a protein losing gastroenterophy
Autor: Rodrigues, N.
Portugal, V.
Rodrigues, L.
Aroso, S.
Palavras-chave: Gastroenteropatia perdedora de proteínas
enteropatia perdedora de proteínas
citomegalovírus
Helicobacter pylori
hipoproteinemia
hipoalbuminemia
Protein losing gastroenteropathy
protein losing enteropathy
cytomegalovirus
hypoproteinemia
hypoalbuminemia
Data: Dez-2007
Editora: Nascer e Crescer
Citação: Nascer e Crescer 2007; 16(4): 249-250
Resumo: A gastroenteropatia perdedora de proteínas (GEPP) está associada a distúrbios gastrointestinais e não gastrointestinais diversos. Citomegalovírus (CMV) e Helicobacter pylori (HP) têm sido apontados como possíveis agentes etiológicos. Apresentamos um caso clínico de uma criança de 13 meses com edemas palpebrais e maleolares com 48 horas de evolução, hipoproteinemia com hipoalbuminemia e hipogamaglobulinemia de instalação aguda, internada para estudo etiológico. Após exclusão das causas renais e hepáticas, a GEPP tornou-se a hipótese diagnóstica mais provável. A endoscopia digestiva alta foi normal, mas no exame histológico do produto de biópsia foi evidente gastrite crónica com sinais de actividade e duodenite associadas à presença de HP na mucosa. A pesquisa de CMV por PCR (protein chain reaction) foi positiva na biópsia gástrica e duodenal. A evolução foi favorável, espontânea e auto-limitada. ABSTRACT Protein losing gastroenteropathy (PLGE) is associated with several gastrointestinal and non-gastrointestinal disorders. Cytomegalovirus (CMV) and Helicobacter pylori (HP) have been pointed as possible etiologic agents. We present a clinical case of a child, 13 months age, with palpebral and maleolar edema with 48 hours of evolution, hypoproteinemia with hypoalbuminemia and hypogammaglobulinemia with an acute onset. After exclusion of renal and hepatic causes, PLGE became the most likely diagnostic hypothesis. Upper endoscopy was normal but the biopsy revealed chronic gastritis with activity signs and duodenitis. PCR (protein chain reaction) for CMV was positive in gastric and duodenal biopsy. Evolution was favourable, and resolution spontaneous.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.16/1124
ISSN: 0872-0754
Aparece nas colecções:RN&C: Ano de 2007

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Gastroenteropatia_16-4_Web.pdf56,36 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.